Buona Giornata

clique para ampliar

Arsenal da Esperança recebe Comenda Dom Luciano Mendes de Almeida

No dia 27 de agosto, em Mariana (MG) o Arsenal da Esperança foi um dos homenageados com a Comenda Dom Luciano Mendes de Almeida do Mérito Educacional e da Responsabilidade Social, concedido pela Arquidiocese de Mariana, na qual Dom Luciano foi arcebispo.

Domingo 1º de setembro: “Para conhecer o Pentateuco”

Em preparação à 3ª VIGÍLIA DE LEITURA DA PALAVRA, no dia 1º de setembro (domingo, das 9h ao meio-dia), acontecerá um encontro dedicado à Bíblia com o tema “Para conhecer o Pentateuco”, assessorado pela professora Rita de Cácia Ló (Mestra em Teologia Bíblica pela PUC-São Paulo e Professora da Faculdade de Teologia do Mosteiro de São Bento).

O encontro é aberto a todos os amigos da casa (favor confirmar a presença). Solicitamos aos participantes para trazer a Bíblia.

Local: ARSENAL DA ESPERANÇA, Rua Dr. Almeida Lima 900 (Metrô Bresser-Mooca).
Contato: 11- 2292.0977 - Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

MÊS DA BÍBLIA 2013: Arsenal da Esperança prepara a 3ª Vigília de Leitura da Palavra

SETEMBRO foi escolhido no Brasil como o “Mês da Bíblia”. Na noite do dia 13 para o dia 14, a Fraternidade da Esperança promove a 3ª edição da VIGÍLIA DE LEITURA CONTÍNUA DA PALAVRA. Leitores de diferentes realidades, idades, pastorais, grupos e movimentos se alternarão na leitura da Palavra de Deus.

A primeira edição da VIGÍLIA foi realizada em setembro de 2011, por ocasião da acolhida da Cruz e do Ícone da Jornada Mundial da Juventude no Arsenal da Esperança. Nas edições anteriores, centenas de leitores leram, na íntegra, os quatro Evangelhos, o livro dos Atos dos Apóstolos e as cartas apostólicas.

Neste ano reiniciaremos a leitura da Bíblia com os Livros do Pentateuco, precedidos – a convite do Cardeal DOM ODILO PEDRO SCHERER, que participará do evento – pela Leitura do Evangelho de João e da Carta aos Hebreus como textos que nos indicam o caminho da fé.

A edição de 2013 será, mais uma vez, um tempo de leitura e escuta da Palavra de Deus,
sem comentários, apenas ritmada pela mudança dos leitores e por breves espaços musicais e momentos de silêncio.

Todos podem participar. Dê sua voz à Palavra! Inscreva-se e divulgue aos seus amigos e familiares!

PROGRAMAÇÃO

19h do dia 13/09: Acolhida.

20h
do dia 13/09: Início da Leitura da Palavra.

06h30
do dia 14/09: Término da Vigília com a celebração da Missa presidida por DOM EDMAR PERON, Bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo, responsável pela Região Belém.

versão PDF

SERMIG - Fraternidade da Esperança

Dom Angélico: "O Arsenal é um santuário de ESPERANÇA"...

Hoje, o Arsenal da Esperança celebrou a vida de DOM LUCIANO MENDES DE ALMEIDA no sétimo aniversário de seu falecimento. A missa foi presidida por Dom Angélico Sândalo Bernardino que nos presenteou com estas palavras: "O Arsenal é um santuário de esperança na cidade de São Paulo", procuraremos merecê-las.... Dom Luciano acreditava em Deus e acreditou também em nós e por isso queremos continuar a lembrá-lo, queremos que não seja esquecido, queremos senti-lo presente na vida da nossa Fraternidade. Agradecemos a presença de tantos amigos e amigas!

Continuar... Dom Angélico: "O Arsenal é um santuário de ESPERANÇA"...

Arsenal da Esperança recorda Dom Luciano Mendes de Almeida

Terça-feira, dia 20 de agosto, às 20h, no Arsenal da Esperança, a Fraternidade da Esperança abrirá uma semana especial dedicada a Dom Luciano Pedro Mendes de Almeida, esse grande amigo, irmão, pai e modelo de vida cujo testemunho de amor a Deus e aos irmãos está impresso na nossa história pessoal, na da Fraternidade e também na do Arsenal da Esperança. Falaremos de Dom Luciano e exibiremos um vídeo retratando a sua trajetória de vida.

Sábado, dia 24, às 17h, a Fraternidade da Esperança recorda o 7º aniversário de falecimento de Dom Luciano com uma Celebração Eucarística que será presidida por Dom Angélico Sândalo Bernardino, bispo emérito da Diocese de Blumenau.

Antes da celebração, no espaço “Vida Fraterna” será apresentada uma exposição intitulada “Dom Luciano: escola de bondade”, com fotografias, cartas e desenhos acumulados em muitos anos de amizade. A mesma exposição já ficou exposta na Igreja “Nossa Senhora Mãe da Divina Providência”, no Rio de Janeiro, durante a Jornada Mundial da Juventude, onde foi visitada por peregrinos de toda parte do mundo e também pelos irmãos de Dom Luciano (foto). A partir das 16h será projetado um vídeo com uma longa entrevista de Dom Luciano.

Terça-feira, dia 27, em Mariana (MG) o Arsenal da Esperança será um dos homenageados com a Comenda Dom Luciano Mendes de Almeida do Mérito Educacional e da Responsabilidade Social, que a Arquidiocese de Mariana e a Faculdade Arquidiocesana (FAM) realizam desde 2008 na data do falecimento de Dom Luciano (2006).

Dom Luciano não é só uma recordação, é um patrimônio de bondade que continuará gerando frutos de justiça e de paz. Quem ainda não o conhece venha ao Arsenal nessa semana!

JMJ, para que a chama permaneça acesa...

Há duas semanas, no Rio de Janeiro, estava terminando a Jornada Mundial da Juventude. Na Missa do Envio, domingo, 28 de julho de 2013, na Praia de Copacabana, o Papa Francisco nos dirigia, entre outras, estas palavras: “Durante estes dias, aqui no Rio, vocês puderam fazer a bela experiência de encontrar Jesus e de encontrá-lo juntos, sentindo a alegria da fé. Mas a experiência deste encontro não pode ficar trancafiada na vida de vocês ou no pequeno grupo da paróquia, do movimento, da comunidade de vocês. Seria como cortar o oxigênio a uma chama que arde...”.


A Jornada Mundial da Juventude e a Semana Missionária
trouxeram para a juventude e para as comunidades acolhedoras uma verdadeira “lufada de oxigênio”: encontros com jovens de outros países, atividades de serviço e de solidariedade, vigílias de oração, momentos culturais, experiências de fraternidade e de convivência que marcaram, com certeza, a vida de muitos.

Na semana que precedeu a Jornada e também nos dias que a sucederam, o ARSENAL DA ESPERANÇA hospedou cerca de 300 jovens vindos da Itália, da Inglaterra, dos Estados Unidos, da Colômbia, do México, do Paraguai, das Filipinas, de Singapura e do próprio Brasil... Todos eles tiveram a possibilidade de partilhar um pouco da experiência e das atividades da FRATERNIDADE DA ESPERANÇA, integrando as várias ações com momentos de reflexão e de oração.

O ARSENAL DA ESPERANÇA registrou também a passagem de mais de mil jovens de outras nacionalidades: irlandeses, eslovacos, poloneses, franceses, iraquianos... que, hospedados por outros grupos, paroquias e comunidades, foram acompanhados até aqui para conhecer o nosso trabalho.

Reunimos nestes vídeos alguns momentos significativos dessa experiência, não apenas para relembrar os belos momentos vividos, mas, sobretudo, para marcar que, se tudo isso foi possível no mês de julho de 2013, continuará sendo possível também depois! A caminhada tem que continuar, a chama tem que permanecer acesa, mesmo voltando à rotina, mesmo (sobretudo) nos contextos que nos falam coisas diferentes daquelas que o Papa Francisco nos disse, mesmo nos dias mais difíceis, em que nos sentimos poucos, incompreendidos ou até descartados. “Recordando os grandes feitos do passado, lembro-me das Tuas maravilhas, ó Senhor” (Salmo 76, 12).

Durante a Jornada Mundial da Juventude apresentamos aos jovens do mundo a invocação a MARIA MÃE DOS JOVENS. Queremos continuar a rezar com as palavras dessa oração para que a chama acesa no Rio de Janeiro no coração de muitos jovens não seja apenas um “fogo de palha”, mas sim um fogo que tome conta deles, um fogo que os faça viver a esperança, a determinação e a coragem para anunciar o Evangelho com a vida, para destruir o mal, as drogas e a violência, para derrubar as barreiras do egoísmo, da intolerância e do ódio, para construir um mundo novo! O mundo somente terá futuro se apostarmos nos jovens.

Fraternidade da Esperança








 

Na semana que precedeu a Jornada e também nos dias que a sucederam, o ARSENAL DA ESPERANÇA hospedou cerca de 300 jovens vindos da Itália, da Inglaterra, dos Estados Unidos, da Colômbia, do México, do Paraguai, das Filipinas, de Singapura e do próprio Brasil... Todos eles tiveram a possibilidade de partilhar um pouco da experiência e das atividades da FRATERNIDADE DA ESPERANÇA, integrando as várias ações com momentos de reflexão e de oração.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O Arcebispo de Turim, Cesare Nosiglia, visita o Arsenal da Esperança

Na Semana Missionária e durante a própria Jornada Mundial da Juventude hospedamos, recebemos e encontramos peregrinos vindos dos mais diversos países. Foi, com certeza, uma experiência muito rica, universal, inesquecível. Queremos aqui destacar uma visita muito especial, a do Arcebispo de Turim, dom CesareNosiglia, que além da peregrinação e das catequeses no Rio de Janeiro, conseguiu também fazer uma visita ao Arsenal da Esperança de São Paulo.

No dia 24 de julho, quarta-feira, Monsenhor Nosiglia, junto com Ernesto Olivero, foi recebido no Arsenal de São Paulo, nascido no Brasil seguindo o exemplo do Arsenal da Paz de Turim. Uma visita intensa, para conhecer uma “casa de esperança, aberta todos os dias para acolher muitos irmãos em situação de rua”. Eis as emoções do arcebispo, registradas no diário de Ernesto Olivero:



“O Arsenal é um lugar onde se toma consciência das coisas maravilhosas que Deus está realizando no mundo graças ao SERMIG e a tenacidade e a fé de Ernesto que o conduz. Fiquei impressionado com o silêncio, a ordem, a serenidade com a qual vivem mais de 1.200 pessoas, que verdadeiramente encontram aqui acolhida e amor concreto em suas diversas necessidades. Uma visita, ainda que rápida, a este lugar fica no coração e me faz desejar que se realize logo a vontade de amar os pobres com os fatos antes que com as palavras. Mais conheço e frequento Ernesto e o SERMIG e mais me convenço de que é o Senhor que me deu a graça de conhecê-lo e de poder ser seu Bispo, pai e amigo. Portanto abençoo este lugar e as pessoas que aqui trabalham e habitam.”

Marcha da Esperança com Maria Mãe dos Jovens

O SERMIG – Fraternidade da Esperança lançou hoje (02/08) pela primeira vez a "Marcha da Esperança" nas ruas de São Paulo, com os jovens e os acolhidos do Arsenal da Esperança. A ocasião foi o aniversário da entrada da comunidade no antigo arsenal de guerra da cidade de Turim (Itália), que ocorreu há 30 anos, em 2 de agosto de 1983.

"A Marcha" – diz Ernesto Olivero, fundador do SERMIG – “foi realizada nas três cidades em que se encontram os Arsenais, Turim (foto noturna), Madaba e São Paulo, para agradecer a Deus que nos doou uma oração e um ícone da Mãe de Deus que os jovens do mundo podem invocar como "MARIA MÃE DOS JOVENS."

Continuar... Marcha da Esperança com Maria Mãe dos Jovens

JMJ, a peregrinação continua...

Pré-conferência de Assistência Social acontece no Arsenal da Esperança

Na última quinta-feira, dia 01/08, foi realizada no salão “Vida Fraterna” do Arsenal da Esperança (Rua Dr. Almeida Lima 900, Mooca – São Paulo), a Pré-conferência Municipal de Assistência Social da Região Mooca.

A intenção do encontro foi de discutir sobre o tema central “A Gestão e o Financiamento na efetivação do SUAS (Sistema Único de Assistência Social). Os participantes foram separados em grupos, os quais foram divididos por "eixos de discussão" sobre temas como: co-financiamento obrigatório da assistência social; gestão do SUAS: vigilância sócioassistencial, processo de planejamento, monitoramento e avaliação; gestão do trabalho, dos serviços, programas e projetos; gestão dos benefícios no SUAS; regionalização, etc.

Continuar... Pré-conferência de Assistência Social acontece no Arsenal da Esperança

FAMÍLIA CRISTÃ da Itália visita o Arsenal...

Ide e fazei discípulos entre todas as nações! (Mt 28, 19)

O lema é da JMJRio 2013, mas é perfeito para explicar o que significam todas as Jornadas. As palavras de Jesus nos enviando a todos os povos guardam em si a beleza e a importância do encontro com o outro.

É para abençoar esse caminho que nos leva ao outro que são feitas as Missas de Envio, nos lugares de origem de cada grupo que vai à JMJ. Hoje, dia 14 de julho de 2013, participamos da Missa de Envio da Paróquia Nossa Senhora Aparecida dos Ferroviários, realizada para o grupo que une os peregrinos da paróquia e do Arsenal da Esperança. No final, uma surpresa: um vídeo feito com muito carinho lembrou toda a "jornada" que já percorremos até aqui: a união dos peregrinos nA Praça, os trabalhos que já fizemos para arrecadar dinheiro para as passagens e as inscrições, a ajuda de todas as pessoas que uniram esforços para apoiar o nosso grupo, e a presença constante e inspiradora dos nossos "peregrinos honorários" que, mesmo não indo à JMJ, permaneceram ao nosso lado desde o início.

Nós, que somos de São Paulo, vamos "pegar a estrada" somente na próxima semana (exceto a nossa querida Lívia, que partirá já na segunda-feira para receber o treinamento como voluntária da JMJ). Mesmo assim, a JMJRio2013 começa agora, para todos nós que vamos e também para aqueles que ficam: afinal, já estamos recebendo peregrinos de outros países por aqui! A Semana Missionária está trazendo para o nosso bairro jovens que foram enviados de várias partes do mundo. Será uma semana intensa e repleta de encontros!


Peregrinamos, recebemos peregrinos...
Mas não nos esquecemos daqueles que não podem peregrinar. Com o Evangelho de hoje, a parábola do bom samaritano, pudemos refletir mais um pouco sobre a dimensão mais profunda do que significa ir ao encontro do outro, ir ao encontro de todos aqueles que sofrem, jovens ou não. "Desejamos ser Jesus para o outro. E, para todos os fadigados e oprimidos que encontramos no caminho, nós somos Jesus (Regra do Sim – Fraternidade da Esperança)".

MARIA MÃE DOS JOVENS em vários idiomas

Na JMJ do Rio de Janeiro a Fraternidade da Esperança estará apresentando MARIA MÃE DOS JOVENS na Capela Mãe da Divina Providência no Colégio São Zaccaria - Rua do Catete 113, Glória. A oração será divulgada em vários idiomas:

Downloads

 Português ItalianoInglêsFrancês Espanhol

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

         Português                 Italiano                    Inglês                      Francês                   Espanhol

FRANCISCO vai a Lampedusa...

Os milhares de jovens que se preparam para a JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE do Rio de Janeiro podem colher um sinal importante da (quase) primeira “viagem internacional” do Papa FRANCISCO, nesta segunda, dia 8, à ilha de Lampedusa. Uma viagem breve, mas fortemente simbólica, que abraça a consciência do mundo inteiro.

É comum, para a imprensa italiana, mencionar o nome de LAMPEDUSA, a pequena ilha, parte da região da Sicília, a 100 quilômetros da Tunísia, que nas últimas duas décadas tornou-se a porta de entrada de milhares de refugiados que se arriscam, em precárias embarcações, em busca de um futuro melhor na Europa.

Surpreendentemente, o Papa Francisco faz aqui a sua primeira viagem para fora de Roma. Ele vai à extrema fronteira meridional da Europa, nos últimos retalhos de terra italiana que por séculos constituíram uma fronteira histórica: o limite da cristandade, o contato com o islã. Uma fronteira marcada por inúmeros conflitos, um muro invisível, mas real, entre dois mundos antagônicos.

A Primavera Árabe e os recentes acontecimentos do Egito, da Turquia, da Síria tornaram o mar Mediterrâneo novamente uma região turbulenta. Mais a sul ainda temos a África subsaariana, a Somália, a Eritreia, a Etiópia, o Sudão, com seus enormes dramas humanos e sociais, as guerras, o terrorismo, a instabilidade política, que provocam os grandes fluxos migratórios do nosso tempo, hoje não mais apenas em direção à Europa, mas também para o Brasil.

Francisco visita essa periferia e reza por todos aqueles, milhares e milhares, que nesse trecho de mar morreram procurando fugir do desespero das guerras, do fundamentalismo e da grande contradição entre a riqueza e a pobreza. Nessa ilha se concentram a dor e, ao mesmo tempo, a grande possibilidade que existe de mudar o mundo. Mas temos que começar a enxergá-lo, a entendê-lo e a mudá-lo. O Papa, que daqui a poucos dias virá ao Brasil, já está a caminho. (Fotos: famigliacristiana.it)

O Arsenal na SEMANA MISSIONÁRIA e na JMJ Rio2013

Falta menos de um mês, mas no Arsenal da Esperança a JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE é uma realidade que vem sendo preparada há muito tempo... Vamos recordar algumas etapas desse percurso que levará a Fraternidade da Esperança a receber muitos jovens durante a Semana Missionária e a participar do grande encontro com o PAPA FRANCISCO.



A Cruz dos Jovens


21 de agosto de 2011, Madri. O Papa Bento XVI anunciava que a próxima Jornada Mundial da Juventude seria no Brasil, no Rio de Janeiro, em 2013. Os brasileiros presentes na esplanada de “Cuatro Vientos” receberam a notícia com grande emoção! Lorenzo, da Fraternidade da Esperança, recorda aqueles momentos vividos junto aos jovens do Setor Juventude da Arquidiocese de São Paulo: “Foram dias intensos, de catequeses, caminhadas, vigílias de oração e muitos encontros. Na esplanada de Cuatro Vientos nem conseguimos entrar, mas ninguém desanimou por causa disso, pois o mais importante era estar ali, rezando, com Jesus, com o Papa e com dois milhões de jovens do mundo todo...”.

Pouco menos de um mês depois, no dia 18 de setembro, a Cruz e o Ícone da Juventude, os dois maiores símbolos da Jornada, chegavam ao Brasil, em São Paulo, pela primeira vez. Naquela ocasião, um grupo numeroso do Arsenal da Esperança se uniu aos 100 mil jovens que naquele domingo, no “BOTE FÉ” do Campo de Marte, comemoraram o início da preparação da JMJ brasileira. Era apenas o começo...


Três dias depois, exatamente no dia 21 de setembro, a Cruz e o Ícone da Juventude estavam no Arsenal, recebidos pela Região Episcopal Belém. Naquela ocasião, a Fraternidade da Esperança promoveu a iniciativa da VIGÍLIA DE LEITURA CONTÍNUA DA PALAVRA que contou com a participação de centenas de pessoas, representantes de paróquias, comunidades, grupos de jovens e famílias que se reuniram para ouvir e rezar a Bíblia, durante toda a madrugada.


Foi uma verdadeira experiência de fé, recorda uma amiga da casa que participou do evento: “À medida que a noite avançava crescia em mim e em muitos o desejo de permanecer ali, com Ele, com Nossa Senhora, deixar que aquela noite imprimisse uma marca, um sinal do Sagrado... Era como se aquela Cruz estivesse nos dizendo: ‘Venha, seja como Eu, tenha como referência as minhas atitudes, permaneça comigo...’, parecia o próprio Jesus soprando nos ouvidos de quem estava ali e Maria, mãe como eu, docemente ao lado do Filho...”.

Maria, Mãe dos Jovens

A passagem dos símbolos da JMJ
nos animou em levar adiante o propósito de dedicar cada vez mais atenção e energia aos jovens. As duas edições do Encontro “CONTA COMIGO” que se sucederam e os milhares de jovens que recebemos no Arsenal, para um encontro, uma atividade ou para uma visita da casa, foram a nossa maneira de tornar o espírito da JMJ parte da nossa vida.

Ao longo dessa caminhada, sentimos a exigência de apresentar a todos, e com mais vigor, a nossa invocação a MARIA, MÃE DOS JOVENS, oração que a Fraternidade da Esperança reza cotidianamente há muitos anos.

Por ocasião da 2ª Vigília de Leitura da Palavra, que aconteceu em 11 de setembro de 2012, tivemos a oportunidade de imprimir e entregar a todos os participantes um “santinho” com a imagem e o texto da oração. Aquele simples gesto permitiu que a invocação, já conhecida na Itália pela divulgação feita no Arsenal da Paz, começasse a ganhar raízes também no Brasil e a mostrar o vínculo do Arsenal da Esperança com a juventude: não apenas com aqueles que passam como visitantes, mas também com os jovens acolhidos que, mais do que todos, carregam as feridas da pobreza do nosso tempo.

Os jovens d’A PRAÇA

Prestar atenção aos sinais dos tempos significa responder a desafios sempre novos. Em fevereiro de 2013, a Fraternidade da Esperança aceita mais um desafio: dar nova vida ao espaço da antiga Capela dos Ferroviários, ao lado do Arsenal. O nome dado à iniciativa, “A PRAÇA”, manifesta o espírito de diálogo e de encontro que a motiva.

Durante os primeiros meses de 2013, motivados também pela CAMPANHA DA FRATERNIDADE, foram dados os primeiros passos, desde a faxina até partidas de futebol na rua, e foram também realizadas várias ações em prol da comunidade. Pequenos gestos que geraram uma grande decisão: a de formarmos um único grupo de peregrinos – jovens do bairro, da Paróquia e dos amigos do Arsenal – para irmos juntos à JMJ do Rio. E com um objetivo a mais: apresentar a invocação MARIA, MÃE DOS JOVENS a todos aqueles que encontrarmos durante a Semana Missionária e a Jornada Mundial da Juventude.

Essas são apenas algumas das etapas e das motivações que daqui a duas semanas nos levarão a partilhar momentos especiais com jovens de todas as partes do mundo, primeiro aqui em São Paulo e depois no RIO DE JANEIRO.

Acreditamos que os jovens têm dentro de si um enorme potencial para mudar o mundo. A Jornada Mundial da Juventude é uma preciosa oportunidade para estimular neles o espírito de iniciativa, de responsabilidade e de participação nos acontecimentos do nosso tempo, para que levem a todos a proposta de Cristo. Como FRATERNIDADE DA ESPERANÇA, gostaríamos de caminhar com os jovens nessa direção.

Veja a nossa programação da Semana Missionaria

 

Questo sito utilizza cookie, anche di terze parti, per migliorare la tua esperienza e offrire servizi in linea con le tue preferenze.

Chiudendo questo banner, scorrendo questa pagina o cliccando qualunque suo elemento acconsenti all’uso dei cookie.

E' possibile modificare le opzioni tramite le impostazioni del Browser. Se vuoi saperne di più o negare il consenso clicca su informazioni.